in

PF descobre rota do tráfico internacional de drogas em Minas

A Operação “All in”, deflagrada nesta terça-feira (28) pela Polícia Federal do Mato Grosso do Sul, revelou a participação de Minas como rota do tráfico internacional de drogas.

O entorpecente vindo da Bolívia era distribuído no Brasil e exportado para outros países pela gangue que tinha integrantes no Paraná, São Paulo, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, além de mineiros.

Os traficantes investigados se arriscavam no transporte de grandes cargas de drogas. De acordo com o coordenador da operação e chefe da delegacia em Mato Grosso do Sul, José Antônio Franco, em abril do ano passado, foi apreendida uma carga de 500 quilos de cocaína e, em setembro, outros 300 quilos. Ambas encontradas em São Paulo. Depois dessas apreensões, a PF tentou descobrir o lastro das drogas e prendeu 30 pessoas até o momento.

O nome da operação, “All in”, faz alusão à jogada de pôquer em que o participante aposta todas as fichas em uma única mão de cartas

Foram cumpridos 17 mandados de prisão, sendo um deles em Minas, na cidade de Monte Carmelo, no Triângulo. O mineiro detido é acusado de atuar no transporte da droga.

Um mandado de prisão foi frustrado em Mato Grosso do Sul. O suspeito fugiu. A Polícia Federal apreendeu veículos de luxo, caminhões, armas e uma quantia em dinheiro.

O delegado José Antônio Franco explica que Minas Gerais tem sido constantemente rota do tráfico internacional por causa da posição geográfica privilegiada. As investigações prosseguem para que outros integrantes da quadrilha sejam reconhecidos.

Written by thiago@ailha.com

Tarifa da Cemig cairá 10,61% em abril por causa de cobrança indevida

Primeiro Arduino Day Capinópolis MG